Diante do crucifixo!

 diante-crucifixo-2.jpg

Ó clarão de Deus Pai, bendito Ser,
Dom do Céu e de todos Salvador,
Não morreste, Senhor, só por amor,
Mas amaste, isto sim, para morrer!

 

Se, pregado na cruz, assim estás,
Vivo está mais ainda o teu perdão,
Tu não tens só a paz no coração:
És a Paz, o fulgor de toda paz!

 

Ó Luz viva, que ocaso desconheces,
Não dos pobres só, pois, te compadeces,
Mas também a inimigos dás as mãos!

 

Se, infiéis, sempre amados por ti fomos,
Mais nos amas agora, porque somos
Por decreto do Pai, na fé, irmãos!


Veja também "DIANTE DO CRUCIFIXO", um texto orante, em "Espiritualidade e textos orantes"


João de Araújo
                                

                                                               

 

 

 

?!-- Start Footer Area --> João de Araújo - Diante do crucifixo!